Cabo Verde
Visit Cabo Verde

Sobre Cabo Verde

Cabo Verde: a geografia, a história e a cultura

"As ilhas, por quererem ser navios, ficaram naufragadas entre mar e céu".

A frase é do trovador cabo-verdiano Aguinaldo Fonseca e ilustra, com leveza poética, a robustez de um povo e de uma terra, marcados por séculos de colonialismo, escravatura, escassez de recursos e uma posição geográfica exigente.

Nada disto calou a morabeza, um jeito gentil, atencioso e acolhedor, de receber quem chega, cuidar e levar a vida.

Esta maneira cabo-verdiana é contada na grandeza da sua história, nos contrastes das ilhas e na riqueza das suas raízes mistas.

Geografia e Geologia de Cabo Verde

Há milhões de anos, uma dezena de ilhas vulcânicas surgiram ao largo de África.

O terreno varia entre as ilhas a Este, mais antigas, planas e arenosas, e as ilhas a Oeste, mais novas e montanhosas, rochosas e irregulares.

Para prevenir a acentuada perda de solo pela erosão hídrica e eólica, está em curso, desde a independência, um plano de reflorestação das ilhas.

Com um clima árido e semi árido, temperaturas moderadas todo o ano, mas poucos cursos de águas, as ilhas vivem com secas frequentes, escassez de água e chuvas torrenciais ocasionais.

O Vulcão do Fogo e os parques naturais são visitas obrigatórias para melhor entender estas ilhas.

História de Cabo Verde

O arquipélago cabo verdiano estava desabitado, tendo sido descoberto, em 1460, por exploradores portugueses, ao serviço do Rei D. Afonso V.

Dois anos depois iniciou-se o povoamento.

Durante séculos, as ilhas destacaram-se, pela sua posição geográfica, como um importante centro comercial, de abastecimento e tráfego de escravos para as rotas que ligavam o continente europeu a África, ao Brasil e América do Norte.

O domínio português manteve-se até ao século XX, quando a distância geográfica e administrava se tornou penosa para os cabo verdianos.

Na ilha de Santiago, a Cidade Velha, primeira capital do arquipélago, é um ponto importante para saber mais sobre a História cabo-verdiana.

Pessoas e Cultura de Cabo Verde

Os cabo-verdianos têm ascendência mista, de africanos, portugueses, italianos, franceses, espanhóis e judeus.

Os cinco séculos de colonialismo português marcaram profundamente as ilhas, mas as tradições africanas e a identidade crioula está bem presente.

A cultura do país é uma mistura única das suas raízes europeias e africanas, algo que é particularmente notório na produção artística de Cabo Verde, seja literária ou musical.

E a música é permanente.

A alegria corre as ruas, alimenta os dias de quem cá vive e enche os corações dos que visitam o arquipélago e não mais esquecem o bater das mornas, do funaná e do batuque, da mazurca e das coladeras.

explore

Explore cabo verde

Sol e praia, trilhos de montanha, paisagens de uma natureza que tão facilmente brota por todo o lado e uma riqueza de costumes e tradições que não se traduz em preço algum: Cabo Verde é um paraíso que descansa à beira-mar.

Com a morabeza das gentes e a magia que só se encontra em Ilhas de sol e mar, este país-arquipélago é um universo de experiências a descobrir.

Os sabores, os cheiros e as cores entranham-se nas memórias e aqui sente-se na pele o morno da brisa e o doce da vida.

PLANEAR A VIAGEM

Conhecer um novo país é sinónimo de aventuras. Uma cultura diferente, com leis próprias, costumes, gostos e peculiaridades distintas de qualquer outra parte do mundo.

Ao preparar a viagem com antecedência pode poupar alguns desafios.

Concentramos aqui as principais dúvidas dos viajantes e algumas dicas para que conheça o país sem sobressaltos.

newsletter

Newsletter

Subscreva a nossa newsletter e descubra experiências e eventos surpreendentes